Mapa do SiteOutlook Mail

Gestão por resultados é tema de debate entre gestores públicos e administradores

PDF Imprimir E-mail

 CRA1

Prefeito de Parnaíba Florentino Neto, controlador-geral Darcy Siqueira, presidente do CRA Paulo Alencar, deputado federal Átila Lira e vereador Tiago Vasconcelos

 

O controlador-geral do Estado do Piauí, Darcy Siqueira, participou na manhã desta quarta-feira (23), do Café com Gestores, representando o governador do Estado, Wellington Dias. O evento promovido pelo Conselho Regional de Administração do Piauí (CRA-PI) faz parte da programação do 11º Encontro de Administradores do Piauí (Enapi) e reuniu gestores públicos e administradores para debaterem sobre uma gestão voltada para resultados.

O debate foi mediado pela ex-secretária de Trabalho e Emprego do Estado, Larissa Maia, com a presença do prefeito de Parnaíba, Florentino Neto; do ex-secretário de Educação do Estado, deputado federal Átila Lira, como embaixador do evento, e do vereador Tiago Vasconcelos, ocasião em que expuseram suas experiências à frente da gestão pública aliadas aos princípios da administração.

CRA2

Além do controlador-geral do Estado, participaram do evento o secretário de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, José Icemar Lavor Neri, o Nerinho; secretário de Inclusão da Pessoa com Deficiência, Mauro Eduardo; além de gestores da Administração Estadual e Municipal, como o secretário de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Teresina, Fábio Nery e profissionais da área.

Átila Lira, como ex-secretário de Educação, ressaltou a importância da descentralização dos serviços, abordou a meritocracia e a relevância de conhecer e reconhecer experiências exitosas, buscando troca de expertise. Tiago Vasconcelos, como ex-diretor do Detran, destacou as ações de planejamento participativo e integrado entre os órgãos, bem como investimentos na área de Tecnologia da Informação para modernizar o setor e garantir a eficiência e eficácia dos serviços. O prefeito de Parnaíba, Florentino Neto, enfatizou a importância de um planejamento participativo, bem como a necessidade de organização e monitoramento das ações.  

O trabalho da Controladoria foi bastante exaltado pelos gestores, ao destacarem a importância do controle e monitoramento da despesa pública como premissa para administrar bem recursos e riquezas.

Darcy Siqueira explicou a proposta da CGE de atuar em três linhas de defesa, referentes ao gerenciamento de riscos e controle. De acordo com ele, o gerenciamento de riscos vai permitir um alcance de melhores resultados.

 

“A primeira das três linhas de defesa está na gestão operacional, realizada pelos próprios secretários; a segunda, pelos Núcleos de Controle de Gestão, a exemplo da Superintendência do Gasto, criado pelo secretário de Administração para tratar da qualidade do gasto público; a terceira linha é auditoria interna que é trabalhar a prevenção, o controle e a transparência. A probabilidade de atingir resultados vai ser definida em virtude dessas ações”, disse o controlador após ressaltar a necessidade de se ter controle interno forte e atuante que contribua para a gestão pública. “Isso só é possível se você fizer planejamento”, completou. 

 

CRA3

 

Escrito por Virgínia Santos   
 

Adicionar comentário

Será rejeitada a mensagem que desrespeitar a lei, apresente linguagem ou material obsceno ou ofensivo, seja de origem duvidosa, tenha finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto do sítio. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores.


Código de segurança
Atualizar