Mapa do SiteOutlook Mail

CGE-PI promove economia de R$ 43 milhões ao Estado

PDF Imprimir E-mail

As atividades desenvolvidas pela Controladoria Geral do Estado (CGE-PI) no segundo bimestre de 2013 possibilitarão ao Estado do Piauí economizar cerca de R$ 43.468 milhões. Os dados foram apresentados no último dia 25 de maio, durante a segunda reunião bimestral do ano, onde os gerentes do órgão apresentaram, no auditório da Secretaria Estadual de Administração (Sead), as ações desenvolvidas entre os meses de maio e junho em cada área.

“Faz parte dessa nova gestão as reuniões mensais, com os gerentes, e bimestrais com toda a equipe de auditores, para estabelecimento de metas e ações. Conseguimos mostrar uma economia de gastos, dentre estimativas e resultados efetivos, e ainda planejar as futuras ações”, afirmou o Controlador Geral do Estado, Darcy Siqueira.

alt

Dos R$ 43.468 milhões de economia apresentados pelos auditores, R$ 42.600 milhões são potenciais, ou seja, para que a redução de despesa se efetive, é preciso que os gestores sigam as recomendações emitidas nos pareceres e relatórios da CGE-PI. O restante é economia real, decorrente de orientações já implementadas.

A Gerência de Acompanhamento da Gestão, por meio de análises de repactuação e prorrogação de contratos de serviços de mão-de-obra de natureza continuada, possibilitou a obtenção de uma economia anual de R$ 1.352.764,08. Esse valor foi obtido nos processos analisados no terceiro bimestre de 2013.

A Gerência de Auditoria, responsável pela maior parte da economia estimada, obteve esse resultado através de trabalhos realizados na Secretaria de Estado da Saúde e na Secretaria de Estado da Fazenda. Já a Gerência de Controle de Obras Públicas (GECOB), aferiu seu resultado através do acompanhamento de medições de obras, onde as mais significativas foram na Agespisa.

As atribuições das Gerências de Convênios e de Controle Interno não possibilitaram estimativas de valores de economia no âmbito do Governo estadual, já que atuam em trabalhos eminentemente preventivos, seja por meio do monitoramento das receitas voluntárias recebidas e repassadas e da orientação aos gestores públicos.

 

Fonte: Jornal Meio Norte

 

Adicionar comentário

Será rejeitada a mensagem que desrespeitar a lei, apresente linguagem ou material obsceno ou ofensivo, seja de origem duvidosa, tenha finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto do sítio. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores.


Código de segurança
Atualizar