Mapa do SiteOutlook Mail

CGE lança Código de Ética para seus servidores

PDF Imprimir E-mail

Servidores que atuam na Controladoria-Geral do Estado do Piauí (CGE) passam a contar com um Código de Ética próprio que concilia os princípios de conduta dos servidores com as exigências morais da profissão, estabelecendo parâmetros éticos, além de penalidades a serem aplicadas pelo não cumprimento das normas.

codigodeetica1

O Código foi apresentado pelo auditor governamental Antônio Filho na manhã desta sexta-feira (13). Dentre os mandamentos contidos no Código, há destaque aos princípios e deveres dos Servidores da CGE como decoro, zelo, dignidade, eficácia e honra, dentre outras, bem como as proibições e punições derivadas do serviço irregular de suas funções, que remetam aos princípios fundamentais da Administração Pública.

O auditor Antônio Filho explica que embora o órgão seja pequeno e relativamente novo, se comparado a outros órgãos do Governo Estadual, é importante estimular a boa conduta de seus servidores. 

codigodeetica2

“Precisávamos definir as atribuições do órgão, o nosso alcance, os compromissos dos servidores através desse manual de forma que possamos propagar os ideais de controle, ideais de probidade, ética, urbanidade e compromisso com a qualidade do serviço público. Diante disso, o controlador-geral determinou que nós atualizássemos todos os manuais, seja de ética, de obras, controle e auditoria de forma que a Controladoria viesse a promover essa capacitação dos servidores e o resgate da valorização e respeito do servidor público”, destacou. 

codigodeetica3

De acordo com ele, um dos objetivos da CGE é trabalhar no incentivo e colaboração do servidor público, não só da CGE, mas de todo o Poder Executivo.

“A máquina administrativa depende 80% da vontade e determinação do servidor, portanto, um servidor probo, honesto e capaz vai contribuir com muito entusiasmo perante a atribuição que é servir a população que nos paga para fazermos o nosso serviço. Esse manual visa unir o compromisso do órgão, fortalecer a marca da Controladoria dentro da ética e excelência de seus serviços e, sem dúvida, expandir o seu alcance nas outras instituições do Estado, pois vamos promover encontros com o propósito de valorizar cada vez mais a qualidade e a excelência do serviço público no Estado”, completou. 

 

Escrito por Virgínia Santos   
 

Adicionar comentário

Será rejeitada a mensagem que desrespeitar a lei, apresente linguagem ou material obsceno ou ofensivo, seja de origem duvidosa, tenha finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto do sítio. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores.


Código de segurança
Atualizar