Mapa do SiteOutlook Mail

CGE inicia implantação das rotinas administrativas nos órgãos estaduais

PDF Imprimir E-mail

A Controladoria-Geral do Estado do Piauí (CGE) iniciou nesta sexta-feira (12), a implantação dos Manuais Operacionais elaborados pela CGE que visam disciplinar as rotinas administrativas dos órgãos e entidades do Poder Executivo Estadual.

O trabalho consiste em padronizar os procedimentos operacionais de geração de despesa pública e mostrar, na prática, como deve ocorrer nos órgãos. Hoje, o primeiro órgão a receber orientações da CGE foi o Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

O controlador-geral do Estado, Nuno Bernardes; o gerente de Controle Interno da CGE, Márcio Rodrigo Souza e os auditores André Batista e João Batista, se reuniram com o diretor do Detran, Arão Lobão para explicar como será o trabalho no órgão, que neste momento, iniciará em despesas com terceirizados.

“Vamos acompanhar a implantação do manual e ensinar como aplicá-lo no dia a dia. Começamos com essa reunião onde foi apresentada a intenção do nosso trabalho e na próxima quarta-feira teremos uma nova reunião com o núcleo responsável por essas despesas. Nosso trabalho é dinâmico e preventivo, e nosso objetivo é evitar que falhas nos processos de despesa aconteçam”, explicou João Batista, um dos auditores que fará o trabalho no Detran.

A CGE publicou a Instrução Normativa (CGE Nº 01/2016) para disciplinar a implantação dos Manuais Operacionais elaborados pela CGE no âmbito do Poder Executivo Estadual. Nesta fase, o trabalho acontecerá nas Secretarias de Fazenda (Sefaz),Secretaria de Segurança Pública (SSP) , Secretaria de Justiça (Sejus) e Secretaria de Saúde (Sesapi), nas despesas relacionadas com diárias, aquisição de passagens aéreas, locação de veículos e combustíveis e contratação de pessoas físicas, respectivamente.

 

Escrito por Virgínia Santos   
 

Adicionar comentário

Será rejeitada a mensagem que desrespeitar a lei, apresente linguagem ou material obsceno ou ofensivo, seja de origem duvidosa, tenha finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto do sítio. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores.


Código de segurança
Atualizar