Mapa do SiteOutlook Mail

Auditor da CGE-PI visita Controladoria de Pernambuco

PDF Imprimir E-mail

IMG-20141126-WA0002

O auditor governamental da Controladoria-Geral do Estado (CGE-PI), Alexandre Farias Chaves, esteve no final do mês de outubro em Pernambuco, para conhecer os trabalhos da Secretaria da Controladoria Geral do Estado (SCGE-PE). O objetivo foi estreitar o relacionamento e intercâmbio técnico entre as Controladorias.

Segundo o auditor, a SCGE-PE é reconhecida nacionalmente como uma das mais avançadas na operacionalização de seus trabalhos e a viagem foi uma oportunidade de buscar experiências para aplicá-las à realidade da CGE-PI.

“Abrimos um canal de interação com a SCGE-PE, no qual conseguimos entender o portfólio de atividades que eles desenvolvem, bem como o processo que eles realizaram para sair de uma atuação casuística para uma mais sistematizada. Tal mudança envolveu a contratação de consultores especializados em diversas áreas”, afirma.

A abordagem junto à SCGE-PE foi realizada com dois focos, que o auditor explica. “Um, mais pontual, em cima de alguns sistemas de controle que nós já fazemos, mas que eles fazem de uma forma diferente, a exemplo da regularidade dos órgãos do estado, orientação técnica ao gestor e do sistema de monitoramento de riscos. E outro mais direcionado para a sistemática geral de trabalho. Pudemos compreender como eles conseguiram por em prática o planejamento estratégico; quais as metodologias e processos de trabalho eles têm implantados nas áreas de controle. E por fim, tivemos conversas sobre gestão de recursos humanos, tais como mapeamento de competências, desenvolvimento funcional e remuneração variável”.

A partir de agora, os próximos passos devem ser voltados para a organização dos trabalhos com a finalidade de avançar rumo à excelência no controle da gestão pública do Estado. “Vamos contatar profissionais especialistas no Programa Nacional de Gestão Pública e desburocratização (Gespública) e validar quais dos sistemas disponibilizados para cessão serão incorporados à CGE-PI”, disse o auditor complementando que os sistemas serão incorporados mediante análise técnica do setor de Tecnologia da Informação da Controladoria. “Alguns processos de trabalho definidos também deverão ser repassados a título de avaliação e ajuste à realidade da CGE-PI”, finalizou.

Escrito por Virgínia Santos